Observação de baleias no Rosa: tudo que você precisa saber antes do passeio

Entre os meses de julho e novembro, o litoral de Santa Catarina recebe um verdadeiro espetáculo da natureza. É durante essa temporada que você pode realizar a observação de baleias na Praia do Rosa! A seguir, confira as principais informações para curtir o passeio.

Praia do Rosa é ponto de proteção das baleias-francas

O município de Imbituba, onde fica localizado o Rosa, faz parte de uma Área de Proteção Ambiental (APA) da baleia-franca. Isso porque a espécie escolheu essa região para procriar.

Os cetáceos vivem ao sul do continente, entre a Patagônia e a Antártida. Só que as águas de lá ficam muito geladas no inverno, então os animais migram para um lugar mais confortável.

A costa de Santa Catarina, além de ter uma temperatura amena, possui um mar raso. Essa característica geográfica permite que as baleias-francas tenham seus filhotes e os amamentem em segurança, longe dos predadores que habitam os pontos mais profundos do oceano.

A migração ocorre a partir de julho, mas o ápice do fenômeno vai de agosto a setembro. Esses são os melhores meses para encontrar baleias nadando pelo mar catarinense. Elas geralmente aparecem em grupo – a mãe e os filhotes, por exemplo.

A partir de outubro, as francas começam a voltar para casa. A estada depende das condições climáticas. Se você tiver sorte (e o tempo estiver favorável), pode observar baleias na Praia do Rosa até novembro.

Dicas para observar baleias na Praia do Rosa

Uma baleia-franca adulta pode atingir 17 metros de comprimento. Ou seja, ela chega a ser tão grande quanto um ônibus articulado! E, como o animal tem hábitos costeiros, você não precisa navegar até alto-mar para assistir ao espetáculo. A observação acontece a olho nu, inclusive na beira da praia.

Aqui na Hospedaria das Brisas, nós agendamos passeios de barco com profissionais cadastrados. Porém, se você preferir, outra dica é procurar lugares elevados. Pontos como o alto de uma pedra ou de um morro possibilitam uma visualização melhor das enseadas – justamente os locais onde os cetáceos procuram refúgio.

Os guias de turismo do Rosa poderão lhe indicar as melhores trilhas para chegar aos mirantes. Eles também participam de grupos de mensagens que trocam informações em tempo real sobre a localização das baleias. Assim, as chances de avistá-las aumentam.

Leve binóculo, luneta ou mesmo uma câmera com zoom para conferir o show da natureza em detalhes. O mais provável é vislumbrar a cauda ou a nadadeira de uma franca para fora da água. Porém, alguns turistas conseguem enxergar inclusive os saltos que elas dão.

O sucesso da empreitada vai depender um pouco da sorte, é verdade, mas também da sua dedicação. Tenha paciência. A natureza opera num ritmo mais lento, então talvez seja necessário frear a ansiedade de ver os animais de perto.

Aproveite para contemplar a paisagem, respirar fundo e reconectar-se com o mundo ao redor. Se a busca pelas baleias-francas não render o que você esperava, pelo menos o passeio terá servido para recarregar as energias. 🙂

Esperamos que as dicas de hoje tenham sido úteis para você realizar a observação de baleias na Praia do Rosa com tranquilidade. Já quer agendar o passeio? Então faça sua reserva na Hospedaria das Brisas! Obrigado pela companhia e até a próxima.