A natureza e seus benefícios: como aproveitar a quarentena para melhorar sua qualidade de vida

Um dia ao ar livre, respirando ar puro em meio aos encantos da natureza. Isso pode ser tudo o que nosso corpo e mente precisam para renovar as energias e mandar o estresse para bem longe.
Não é de hoje que sabemos sobre os inúmeros benefícios de estar em contato com a natureza. O frescor da vegetação, o som dos pássaros e aquela sensação de liberdade são revigorantes. Essenciais para mudar os ares e proporcionar momentos de tranquilidade em meio ao caos.

Nos últimos meses, experimentamos novas experiências propostas pelo isolamento social. E os dias vão passando – já são seis meses de quarentena no Brasil –, muitos deles dentro de casa, onde a vista da janela é o principal (e talvez único) contato com o externo.

Dessa forma, mudanças no estilo de vida estão sendo cada vez mais comuns. Já é possível encontrarmos pessoas que partem em busca dos benefícios que o contato com a natureza proporciona. Sair da cidade e buscar abrigo em lugares afastados, cantinhos muitas vezes desconhecidos da grande maioria, se mostrou uma mudança bem-vinda.
Sabe aquele sítio no interior ou mesmo a casa de praia, que na maior parte do ano permanece vazia, exceto no verão? Esses são refúgios que possibilitam respeitar o isolamento, mas mudar a paisagem. É como trocar as turbulências de uma selva de pedras pelo sossego e liberdade em meio à natureza.

Longe do nosso “habitat natural”, vivendo dias mais prazerosos em lugares afastados, a mente tende a se livrar dos estresses diários, acentuando a sensação de bem-estar. A natureza contribui e muito para a qualidade de vida.

Benefícios para todas as idades

E não é só para os adultos que essa mudança pode indicar transformações positivas. Para as crianças também. Na natureza, os pequenos encontram diferentes estímulos para o desenvolvimento e isso não é novidade para ninguém.

Sair do sofá, trocar a tela da TV ou do celular por brincadeiras ao ar livre, trazem novas noções ao indivíduo que está em formação. Atividades simples, como mexer na terra ou correr na grama, se tornaram cada vez mais desejadas na era tecnológica que vivemos.

Para estimular a criatividade e propor momentos divertidos para a criança, vale soltar a imaginação e voltar no tempo. Que tal recordar as brincadeiras que você mesmo fazia na infância? Uma casa na árvore, uma trilha ecológica ou mesmo observar o céu em uma noite estrelada. Quantas memórias podem ser construídas com tão pouco!

Leve a natureza para dentro de casa

Se fugir da cidade rumo a um cantinho deserto não está nos seus planos, mas a vontade de se conectar com a natureza existe, saiba que há muitas formas de transformar a sua rotina.
Dentro de casa, é possível incrementar a decoração com o uso de plantas, mesmo em apartamentos pequenos. Basta escolher as espécies que melhor se adaptam às características do seu lar – incidência solar, ventilação e espaço devem ser considerados. Após isso, é só colocar a mão na massa!

Depois de definir o local para criar seu jardim, o passo é escolher as plantinhas que mais se encaixam nas suas necessidades e estilo de vida. Procure saber sobre a manutenção de cada uma, quantidade de rega e poda, por exemplo, para que todas possam crescer saudáveis e belas.

Cultivar plantas é um ótimo artifício para se sentir próximo à natureza. Essa lida também ajuda a afastar o estresse e aumentar a sensação de relaxamento, é um alívio em meio aos obstáculos do dia a dia. Além disso, há espécies que auxiliam na renovação do ar e, por consequência, melhoram a qualidade de vida de toda a família.